sexta-feira, 25 de abril de 2008

Bionic

Em dois anos de muita proximidade ela aprendera a ser cristal. Frágil e transparente.
Em duas noites de muita distância, ela aprendera a ser pássaro. Livre e desempedida.
Semanas seguidas dos anos, ela passou na cama. Adoeceu, emagreceu.
Horas seguidas das noites, ela passou dançando. Acordou, encantou.
Hoje ela não pára, segue em frente. Suspira, mas com alívio.
Em breve, o pássaro de cristal voará para longe, pois aprendera que deve migrar, aprendera a seguir o bando e as estações.
E desaparecerá na imensidão do céu, batendo as asas rumo ao amanhã.

*Bionic - Placebo

2 comentários:

nit disse...

letra bonita.

e blog legal, tbm.
:)

Kayo disse...

acredito q tu nem vai ver esse comentario ^^" mas...
hoho a superaçao eh sempre o melhor momento xD

:**