segunda-feira, 10 de março de 2008

Viagens

Às vezes sinto que preciso de férias. Férias de mim mesma. Se tudo é cansativo nessa vida, então por que ser quem se é também não seria?
Há dias em que acordo cansada, estafada de mim. Que precisaria ir pra bem longe, onde pudesse fugir do meu físico, do meu psíquico, do meu espiritual. E quando chegasse lá, neste ponto de neutralidade, passasse muito tempo não me sendo.
Compraria a passagem a preço de leilão, e não importaria a duração da viagem, nem o desconforto. Poderia ser uma viagem de dias num ônibus sujo e fétido, num avião cheio de turbulências, dores de ouvido ou sagramentos de nariz. Ou até mesmo num navio nauseante, pouco me importariam os meios, contanto que levassem para o destino desejado: o destino fora do meu destino.
Lá poderia fazer calor de suar a barriga, com dias dias ensolarados que queimam a córnea, ou frio de congelar a boca, com nuvens estrato no céu, anunciando que ainda iria esfriar mais. Seriam as férias perfeitas, desde que fossem bem longas. E uma vez que tivesse chegado, aproveitaria cada minuto.
Mesmo que pra isso tivesse que acordar antes das sete da manhã,sem tomar café. Mesmo que tivesse que andar o Louvre inteiro, duas vezes seguidas e carregando peso nas costas. Ou atravessaro Saara sem uma única garrafa d'água. Nada abalaria a felicidade de estar bem longe de mim.
E dia após dia, noite após noite de não me ser seriam um bálsamo para o cansaço. Então, quando o tempo finalmente acabasse, e eu realmente tivesse que voltar a habitar-me, voltaria revigorada. Pronta pra ser quem sou pelo resto da longa vida.


-

Texto que eu fiz de uma viagem mental minha. Não gostei muito, mããs vai assim meixmo. E tô nem aí. Depois eu faço um texto sobre um assunto que me incomodou tremendamente essa semana. +_+

Ouki.

4 comentários:

Anônimo disse...

Larga de ser rídula piquena, escreve coisa com coisa. Se vc é capaz de reclamar de uma tosse, imagina se fosse andar de bus fedido ou derivados.
Para de reclamar tanto e aproveita mais. só sabe reclamar PQP! tenho pena de vc. Imagina se vc fosse 1 fudida da vida... se mata logo vai! ctz ñ vai fazer falta, a não pra sua mãezinha ;)

.Little girl blue. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
.Little girl blue. disse...

Ô, há tempos que isso não acontecia... mas não demora muito, e aquelas pessoas que gostam de acompanhar sua vida como telenovela sempre arranjam um jeitinho de descobrir por onde você anda.

Volte sempre! ;)

Lorenna disse...

Essa criatura diz que tu não vai fazer falta como se te conhecesse a fundo e soubesse a opinião dos teus amigos, bom, tu sabe que tu faria...eheuheuhue
pra trocentos amigos, pra maninha aqui e pro namoradinho que ela ainda tem, sacoé?
dor de cotovelo é triste!
hsuahsuahsuahushau