segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Saudade





Triste parto, sonho de um sonho que se desfaz
Dormir, talvez, e não ser mais
Vida que jaz num retrato
De onde me vês não mais estás...

Um comentário:

reuben! disse...

sem dizer nada, só ficando quieto sentado do lado, te estendendo o coração que divido contigo e (ao mesmo tempo) te dou todinho.